TSE treina multiplicadores do PJe versão 2.1 Zonas Eleitoras

O Evento é realizado no Tribunal Superior Eleitoral

TSE treina multiplicadores do PJe versão 2.1 Zonas Eleitoras

As servidoras Lara Nobre Tupinamba, lotada nesta Secretaria Judiciária do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI), e Isabel de Sousa Torres, Chefe da Seção de Procedimentos e Atos Cartorários desta Corregedoria Regional Eleitoral, participam do Treinamento para Multiplicadores do Processo Judicial Eletrônico (PJe) versão 2.1 Zonas Eleitoras, realizado entre os dias 13 e 14 de junho de 2019, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Cabe aos multiplicadores repassar o conteúdo ministrado através de treinamentos a serem realizados em seus respectivos regionais.

Sobre o sistema PJe versão 2.1 Zonas Eleitoras

A Justiça Eleitoral (JE) implementará o Processo Judicial Eletrônico (PJe) em todas as 2.645 zonas eleitorais do país até o fim de 2019. A Portaria TSE nº 344/2019 – assinada pela presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministra Rosa Weber – torna obrigatória a utilização do sistema para proposição e tramitação de todos os processos no âmbito da JE já a partir da primeira instância. A Portaria também determina o cronograma de implementação da ferramenta em todas as zonas eleitorais do país.

O PJe é um sistema que permite a tramitação de processos exclusivamente por via eletrônica, tornando a prestação jurisdicional mais ágil, eficiente, econômica e sustentável. Ele vem sendo implantado gradualmente na Justiça Eleitoral desde 2015, quando começou a ser utilizado inicialmente para a tramitação de algumas classes processuais originárias do TSE. Aos poucos, mais classes foram sendo incluídas, na medida em que o sistema passou a ser utilizado também pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). Em 2019, será a vez da primeira instância.

A meta é que até o fim de agosto todas as zonas eleitorais das capitais dos estados, onde as conexões com a Internet são mais eficientes, já estejam operando o sistema.

Fonte: Serviço de Imprensa e Comunicação Social do TRE-PI e TSE, com adaptação.